Acervo Zuleide Ranieri, a Zuzu

Zuleide Ranieri Dias nasceu na pequena cidade de Fortaleza de Minas, Minas Gerais. Foi reconhecida mundialmente como uma das pioneiras na narração de partidas de futebol e integrou a primeira equipe jornalística composta apenas por mulheres, na Rádio Mulher de São Paulo, na década de 1970. As primeiras oportunidades no jornalismo esportivo surgiram na Rádio Cacique, em Santos, e logo na Rádio Piratininga, em São José dos Campos, mas o auge de sua carreira foi mesmo na Rádio Mulher. Sua primeira narração ocorreu em 1971 em uma partida entre Palmeiras e Montevidéu na então Mini Copa. Suas expressões dramáticas e emocionantes atraíam os ouvidos de torcedores e torcedoras e o slogan criado por ela, “Uma mulher a mais no estádio, um palavrão a menos”, repercutiu com um sucesso imenso. Em alguns anos, no entanto, a Rádio começou a perder audiência e um novo projeto de contratação de homens ascendeu; Zuleide foi convidada à trabalhar na Rede Record, como repórter em 1974. Pouco depois, ingressou na assessoria política tendo auxiliado o mandato do ex-governador paulista, Paulo Maluf.

Por esse e outros motivos Zuzu foi homenageada na exposição Visibilidade Para O Futebol Feminino através do vídeo Pioneiras presente na Sala Dança do Futebol. O seu acervo foi digitalizado pela equipe do Museu do Futebol e agora encontra-se disponível para pesquisa.

FacebookTwitterGoogle+Compartilhar

Deixe seu comentário

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>